Peter Liu

A Importância Do Magnésio Para Saúde Mental e Física

28/06/2021  Hoje vamos falar de um mineral essencial para nosso organismo, presente em mais de 300 reações químicas pelo corpo: o magnésio.
Embora bastante encontrado em muitos alimentos, é comum que de modo geral, a população mundial apresente baixos níveis de magnésio. Isso acontece devido ao empobrecimento do solo, como também à sua composição: solos próximos à áreas vulcânicas possuem maior concentração desse mineral.
O magnésio está envolvido em muitos processos importantes pelo corpo. Dentre os mais relevantes, ele é o responsável por:
  
   - converter alimentos em energia
   Cansaço, insônia, dor de cabeça, dificuldade de raciocínio, apatia e até mesmo depressão ou outras doenças neurológicas podem ser falta de magnésio, um tônico mental, que pode aumentar a capacidade de memória e aprendizagem.
   Está associado à produção de proteínas e atividades do sistema nervoso em geral.
   Ele aumenta o nível de testosterona, o que nos traz vigor, força, aumenta massa muscular, além da energia sexual.

   - aumenta elasticidade nos músculos
   É importante agente de todas as válvulas do corpo, enquanto movimento de contração e relaxamento. Por exemplo, o refluxo pode ser ocasionado pela subida da acidez do estômago; incontinência urinária, etc. Também facilita movimentação intestinal.
   Dores nas articulações, tendões, cãimbras ou pequenas inquietudes musculares involuntárias são outros indicativos.

   - regular pressão sanguínea
   Igualmente como na elasticidade dos músculos, a falta de magnésio pode enrijecer as artérias através de contrações involuntárias, assim como provocar arritmia cardíaca.

   - controlar açúcar no sangue
   Magnésio está relacionado pelo metabolismo da glicose e melhora da resposta de insulina.

   - regular cálcio
   É responsável por levar o cálcio aos ossos e impedir que se acumulem em outras partes indesejadas, como as artérias.

   O magnésio pode ser encontrado de forma natural em
   - alimentos de folha verde escura
   - sementes como linhaça, gergelim, abóbora
   - feijões, lentilhas e grão-de-bico
   - frutas cítricas, abacate, banana prata, figo
   - oleaginosas como castanhas, nozes, amêndoa, amendoim
   - aveia
   - chocolate amargo
   - iogurte

   A suplementação, sempre combinada com cálcio, deve ser feita sob orientação médica. Será avaliado qual tipo de magnésio é o mais indicado para seu caso, bem como dosagens. A suplementação de 30% da recomendação diária costuma ser suficiente.

   Excesso de magnésio pode ser notado caso haja náuseas, diarreia, redução dos reflexos, baixa de ritmo cardíaco, vermelhidão na pele, sudorese.

  Em meu canal no youtube existem muitos vídeos sobre o tema, assim como links para artigos científicos, caso queira se aprofundar mais.

   Compartilho uma receita bastante nutritiva e rica em magnésio:

   Bolinho de Lentilha e Espinafre

   Ingredientes:
 - 200g de lentilhas cozidas e escorridas;
 - um punhado de espinafre picado e lavado;
 - 2 dentes de alho;
 - salsinha a gosto;
 - sal a gosto;
 - 1 cebola picada;
 - 1 colher de sopa de mostarda
 - 2 colheres de sobremesa de amido de milho;
 - 1/2 xic de farinha de arroz, ou farinha de grão de bico ou farinha de rosca;
 - 2 colheres de sopa de azeite

   Preparo:
 1 - No liquidificador ou processador bata a lentilha e os demais temperos até ficar pastoso.
 2 - Em uma tigela misture os demais ingredientes, sendo por último a farinha aos poucos até obter uma massa consistente para modelar
 3 - Feita essa mistura, você pode usar essa massa em formato de bolinhos ou hambúrgueres fritos, assados ou grelhados.

Fica uma delícia!

Espero que esse conteúdo tenha sido importante pra você.
Compartilhe: